Equipe de transição do governo Bolsonaro é divulgada com dois paraibanos - Portal Cabuloso

Breaking

Breaking News


segunda-feira, 5 de novembro de 2018

Equipe de transição do governo Bolsonaro é divulgada com dois paraibanos

A lista com os nomes que vão integrar a equipe do Conselho de Transição" do governo de Jair Bolsonaro foi divulgada nesta segunda-feira (5), com publicação no Diário Oficial da União (DOU), com a presença de dois paraibanos.

O deputado federal eleito pelo PSL na Paraíba, Julian Lemos (cujo nome no registro é Gulliem Charles Bezerra Lemos), e o procurador Nacional da Fazenda Sérgio Augusto de Queiroz foram nomeados. Além deles, outros 25 nomes foram anunciados, incluindo o economista Paulo Guedes, que deve assumir o ministério da Economia a partir de janeiro.

O grupo vai trabalhar no Centro Cultural Banco do Brasil, em Brasília, e terá acesso a todos os dados, documentos e informações do Governo Federal, com o objetivo de que a futura gestão possa estar a par de todo o funcionamento dos órgãos e entidades da administração federal, das contas públicas e dos resultados dos programas de governo.

Os cargos de transição serão extintos 10 dias após a posse de Bolsonaro, que vai acontecer em 1º de janeiro, como já é tradição.

Confira as portarias de nomeação:

Diário Oficial da União

O procurador Sérgio Queiroz, que recentemente foi homenageado pelo Governo Federal pelos seus 25 anos de dedicação exemplar ao serviço público, inclusive recebendo ‘Jubileu de Prata’, um prêmio ao seu trabalho, estará atuando junto as equipes técnicas do novo governo.

Sérgio Queiroz ingressou no serviço público por concurso público no ano de 1993, como Técnico Judiciário da Justiça Federal da Paraíba, tendo atuado como assessor do Juízo Federal da 3ª Vara. Em 1995, após ter sido aprovado em 1º lugar em concurso de altíssima complexidade, tomou posse como Auditor-Fiscal do Trabalho, tendo se destacado na sua função de auditoria e fiscalização, mas também na condição de mediador de conflitos coletivos do trabalho. No ano de 2000, Sérgio Queiroz assumiu o cargo de Procurador da Fazenda Nacional, inicialmente lotado em Salvador (BA) e depois passou ainda uma fase no Recife.

Desde 2002, trabalha na Procuradoria da Fazenda Nacional na Paraíba, que tem como missão constitucional a representação judicial e extra-judicial da União em causas de natureza tributária e fiscal, incluindo a defesa da legalidade e constitucionalidade dos tributos federais e a cobrança judicial da dívida ativa da União. Ao longo de sua trajetória pública, Sérgio também havia sido aprovado e também nomeado em outros concursos, como o de Engenheiro Civil, do Ministério Público Federal, e o de Agente Fiscal de Tributos da Paraíba, para o Governo Estadual, mas não chegou a assumi-los.

Sobre o procurador – Natural de João Pessoa, o procurador da Fazenda Nacional Sérgio Queiroz, 46 anos, é graduado em Engenharia Civil, Engenharia de Segurança no Trabalho, e em Direito pela UFPB, com mestrado em Filosofia pela UFPB, na área de Filosofia Política e Ética. É também bacharel, mestre e doutor na área teológica, tendo alcançado o doutorado em Chicago, na Trinity Internacional University, além de ser graduado em liderança avançada pelo Haggai Institute, em Cingapura. Sérgio Queiroz é também conhecido no Brasil por sua atuação social por meio da Fundação Cidade Viva, da qual é seu fundador e presidente. É filho de Milton Gomes de Queiroz e Sheyla Clara Monteiro Augusto de Queiroz, e casado há 22 anos com Samara Vieira Rocha Queiroz, com quem tem três filhos: Sérgio Augusto, Esther e Débora.

G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário